A teoria do Five Nights at Freddy’s

GD Star Rating
loading...
Newsletter:
  

Sobre A teoria do Five Nights at Freddy’s

Conheça a teoria do Five Nights at Freddy’s neste vídeo do canal AssombradO que, além de falar sobre o jogo e mostrar seu gameplay, conta uma interessante teoria sobre este peculiar game indie de terror desenvolvido por Scott Cawthon e fez muito sucesso quando lançado em 2014.

Five Nights at Freddy’s faz parte de uma série de mesmo nome que, até o momento, já tem 4 títulos. Nós já havíamos assistido uns gameplays deste game, porém, como os narradores são muito retardados, não demos muita bola. O vídeo dos Arrombrados Assombrados, pelo contrário, é bem interessante e agradável de acompanhar.

Sobre o game

Five Nights at Freddy’s é um jogo bem simples, é um survival de terror e point and click. Nele, você é um empregado temporário que tem que usar seus reflexos e habilidades, além desenvolver nervos de aço (dá muito susto), para cuidar de uma pizzaria (a Pizzaria Freddy Fazbear) a noite. Neste período, este estabelecimento fica assombrado por espíritos assassinos que controlam os robôs animatronicos do lugar.

Toda noite depois do expediente normal da firma, o funcionário fica de olho nas câmeras para colocar os bichos nos seus devidos lugares. O problema é que, além de não poder usar muita luz por causa do custo (algo bem familiar para nós brasileiros hoje em dia), o comportamento dos monstrinhos fica cada vez mais errático e imprevisível no decorrer do jogo. Se deixar, eles acabam matando o jogador e aí é game over.

Teoria do Chuck E. Cheese

Além do reviewzinho do game que o rapaz do canal fez, ele também conta uma suposta relação com uns assassinatos que ocorreram na vida real, especificamente os que cometidos por Nathan Dunlap, na famosa pizzaria americana Chuck E. Cheese em 14 de dezembro de 1993, na cidade de Aurora no Colorado (USA).

Parece que Dunlap recebeu umas chicotadas psicológicas (foi demitido) e resolveu se vingar, promovendo um banho de sangue no seu antigo local de trabalho. Ele se escondeu no banheiro, esperou o restaurante esvaziar e picou bala nos seus ex-colegas, Colleen O’Connor, Benjamin Grant, Sylvia Crowell, Bobby Stevens e a gerente Margaret Kohlberg. Stevens levou um tiro na mandíbula, mas sobreviveu. O vagabundo ainda invadiu o cofre, mas foi capturado, preso e condenado a morte (a sentença ainda não foi cumprida).

E então, depois da popularização do game, apareceram algumas pessoas dizendo que o protagonista do game, Mike Schmidt, representa, na verdade o assassino, Nathan Dunlap. Daí, então, o jogo seria um pesadelo onde o assassino é condenado a ser hostilizado pelas suas vítimas, todas as noites, até ele acordar (as 6 da matina).

Elas afirmam isso embasando-se em analogias traçadas entre o enredo do Five Nights At Freddy’s este macabro evento. O vídeo narra algumas:

  • O armário de abastecimento na pizzaria é uma pequena sala muito estranha e aparentemente inútil. Somente Bonnie, um dos quatro antagonistas do game, pode entrar no armário. Isto pode estar diretamente ligado a Benjamin Grant, que estava limpando o piso quando ele foi assassinado;
  • Sylvia Crowell foi morta próxima ao banheiro quando estava limpando o balcão de saladas. Isto a ligaria ao Chica, um robô que alegra as crianças durante o dia no caminho aos banheiros.
  • Foxy, que fica atrás da cortina e corre até o escritório para atacar o jogador em qualquer noite, estaria ligado a Margaret Kohlberg. Ela era a gerente naquela fatídica noite, pressupondo que seria uma pessoa mais agressiva, assim como é o monstro do jogo;
  • Colleen O’Connor poderia estar ligada a Freddy, pois ele se esconde no banheiro feminino, e Collen era mulher;
  • Bobby Stevens seria o Golden Freddy, que tem uma tendência a aparecer inesperadamente, talvez sendo uma referência ao fato de Stevens ter se feito de morto quando foi alvejado. Também, como o comportamento dele é imprevisível, pode ser uma relação ao fato de ele inesperadamente ter sobrevivido e ter prestado o testemunho definitivo que condenou o assassino;
  • O funcionário da pizzaria é mal remunerado, depois destas péssimas condições de trabalho, ele acaba recebendo um cheque de apenas 120 dólares no fim da quinta noite. Esta quantia, segundo o vídeo, é o salário mínimo da época dos assassinatos;
  • Pior ainda, depois de cumprir hora extra e passar por esse perrengue todo, ele ainda é mandado embora depois do sétimo dia, recebendo o famoso papel timbrado.

Bom, o desenvolvedor do jogo não confirmou nada desta história e, apesar de ser interessante, eu, particularmente, acho meio viagem essa conversa.

E você, o que acha?


Adicionado Em: 27 de abril de 2018

Canal: AssombradO

Visualizações: 68

Duração: 26:59

Categorias: Vídeos

Tags: , ,

GD Star Rating
loading...

Este Link:

Deixe um comentário